Osteoform

Datas, 13,14 e 15 de Setembro de 2024

Valor:

480€

Osteoform - Gerir apresentações clinicas complexas

Este curso de 3 dias, intitulado “Managing Complex Clinical Presentations in Osteopathic Practice: Um curso orientado para a clínica com pacientes reais”, foi desenvolvido com o objetivo de melhorar a compreensão e a capacidade dos osteopatas na gestão de pacientes com sintomas corporais complexos e diversos. A prática clínica osteopática envolve frequentemente pacientes que apresentam uma vasta gama de sintomas que podem não se encaixar perfeitamente numa categoria clínica específica ou num modelo de cuidados osteopáticos centrado apenas no corpo.


O curso irá fornecer aos participantes uma compreensão abrangente de como os sintomas corporais dos pacientes podem ser um produto das suas experiências vividas, inseparáveis do seu ambiente, e dentro de um quadro concetual osteopático. Os participantes terão uma compreensão mais profunda dos sintomas corporais dos seus pacientes como um processo de sensemaking e aprenderão a comunicar eficazmente com os pacientes que experiênciam dor persistente e outros sintomas físicos. O Dr. Jorge Esteves e Dr. Alfonso Mandara irão demonstrar todo o processo de avaliação e cuidados osteopáticos, utilizando pacientes reais para ilustrar a comunicação efectiva com pacientes com dor persistente e outros sintomas físicos. Mostrarão técnicas de exame minucioso e o desenvolvimento de um plano de cuidados centrado na pessoa.


Através de demonstrações práticas, discussões em grupo e a prática com pacientes reais, os participantes aprenderão a identificar e rastrear pacientes para bandeiras vermelhas e laranjas para garantir o encaminhamento e a gestão adequados. 

O curso também abrangerá quadros teóricos como o Enactivismo, o Princípio da Energia Livre e o Processamento Preditivo para compreender a pessoa que procura cuidados e o modelo Enactivo-Ecológico para orientar os cuidados osteopáticos centrados na pessoa.


Este curso é uma excelente oportunidade para osteopatas que procuram melhorar a sua capacidade de gerir casos complexos e fornecer cuidados abrangentes a pacientes com dor persistente e outros sintomas físicos.

Conteúdo do curso
Durante este curso de três dias, Jorge e Alfonso guiá-lo-ão através da jornada da complexidade clínica, permitindo-lhe compreender:
– Modelos de cuidados osteopáticos
– Dor persistente, síndromes funcionais e sintomas medicamente inexplicáveis
– Identificação e triagem de pacientes para bandeiras vermelhas e laranjas para garantir o encaminhamento e gestão adequados

– Enactivismo, Princípio da Energia Livre e Processamento Preditivo como quadros teóricos para compreender a pessoa que procura cuidados
– Modelo ecológico-ativo para orientar os cuidados osteopáticos centrados no paciente
– A importância de desenvolver uma aliança terapêutica sólida
– Raciocínio clínico através da lente do Skilled Intentionality Framework: nichos ecológicos terapêuticos, cuidados práticos e recursos
– Desenvolvimento de um plano de cuidados osteopáticos centrado na pessoa
– Recuperar a agência: o papel dos cuidados osteopáticos e multidisciplinares
– Apresentações de casos e discussões de quatro pacientes reais com dores de cabeça e dores faciais, dores persistentes no pescoço, lombalgia com sintomas radiculares, sintomas corporais generalizados persistentes


Objectivos de aprendizagem
Após a conclusão deste curso, os participantes serão capazes de:
– Avaliar criticamente os modelos de cuidados osteopáticos e como aplicá-los a apresentações clínicas complexas.
– Desenvolver competências práticas e conhecimentos teóricos para gerir pacientes com dor persistente, síndromes funcionais e sintomas medicamente inexplicáveis.
– Aprender a identificar e selecionar os pacientes para sinais de alerta vermelho e laranja, a fim de garantir o encaminhamento e a gestão adequados.
– Compreender quadros teóricos como o Enactivismo, o Princípio da Energia Livre e o Processamento Preditivo para orientar os cuidados osteopáticos centrados no paciente.
– Desenvolver planos de cuidados osteopáticos centrados na pessoa para tratar os sintomas persistentes dos pacientes e recuperar a sua capacidade de ação através de cuidados osteopáticos e multidisciplinares.

O Dr. Jorge Esteves, é um osteopata e cientista cognitivo especializado em dor músculoesquelética crónica, o Professor Jorge Esteves é um defensor fervoroso dos cuidados de saúde baseados em evidências e centrados na pessoa. Actualmente, é Professor de Osteopatia e Vice-Director da Malta ICOM Educational, Professor Honorário da University College of Osteopathy em Londres e investigador da Collaboration for Osteopathic Medicine Research em Itália.


Os seus interesses de investigação centram-se na reconceptualização dos cuidados osteopáticos no âmbito do enactivismo e da inferência activa. Para tal, avalia criticamente as teorias e a investigação do enactivismo, da incorporação, da psicologia ecológica, do princípio da energia livre, da codificação preditiva, da interocepção e da alostase, com um enfoque particular na dor crónica e nos sintomas físicos persistentes, e nos efeitos neurofisiológicos e psicológicos do toque afectivo.
O Professor Esteves dedica-se a fazer avançar o campo da osteopatia através de uma investigação científica rigorosa e a desenvolver tratamentos inovadores e eficazes que permitam aos pacientes alcançar uma saúde e um bem-estar óptimos.

O Dr. Alexandre Nunes tem mais de 20 anos de experiência clínica como osteopata. Atualmente, sou coordenador e responsável pelo curso de Licenciatura em Osteopatia do Instituto Piaget e docente na Escola Superior de Saúde da Universidade Atlântica. Doutorei-me em Reabilitação pela Faculdade de Motricidade Humana da Universidade de Lisboa. A tese intitulava-se “Dor nociplástica em trabalhadores de escritório com dor
cervical crónica” e incluía testes sensoriais quantitativos. Durante um estágio no SMI -Department of Health Science and Technology da Universidade de Aalborg, sob a orientação do Prof. Kristian Petersen, aprendi a executar estes procedimentos. Uma das nossas publicações utilizou medidas clínicas básicas de cabeceira para determinar a sensibilização em funcionários de escritório com dores crónicas no pescoço.

Datas
• 13,14 e 15 de Setembro de 2024

Duração
24 Horas

Local
• Lisboa – ITS Instituto Técnicas de Saúde de Lisboa (Av. António Augusto Aguiar, 9, 4o andar)

Valor
480€

GRUPO-ALVO : Osteopatas

DIAS
3 dias

NÚMERO MÁXIMO DE PARTICIPANTES
35

CERTIFICADO
Certificado de desenvolvimento profissional contínuo (CDPC) emitido pela Medi-Cine Online Learning Academy. O CDPC só será emitido após a conclusão de todos os módulos.

INSCRIÇÃO

×

Olá!

Clica no contacto para deixar mensagem no WhatsApp

× Como posso ajudar?